Home / Destaques / Conheça as comidas lendárias que levam o nome de seus criadores

Conheça as comidas lendárias que levam o nome de seus criadores

fettuccine-alfredo_

Quando alguém realmente gosta de algo, tende a agir de maneira um pouco estranha. De vez em quando, torna-se tão possessivo e orgulhoso que até dá seu próprio nome à comida que criou. O hellofood, empresa líder de pedidos de comida online, presente em 40 países, selecionou cinco receitas que levam o nome de seus criadores – ou homenageia alguém famoso, que dão água na boca:

Caesar Salad

Não, essa salada muito popular não leva o nome do Imperador Romano. É um erro comum associa-la a Julius, mas na verdade ela foi inventada por Caesar Cardini, um restaurateur mexicano na cidade de Tijuana. No fim de semana de 4 de julho de 1924, Ceasar serviu finger foods colocando folhas de alface com cheiro de alho nos pratos. Com o tempo, ele começou a picar as folhas em pequenos pedaços e foi transformando o prato em uma salada. A salada se tornou famosa quando atraiu grandes estrelas de Hollywood que visitaram Tijuana. Logo depois foi adicionada aos cardápios de vários restaurantes e alcançou o top 3 de saladas pedidas online.

Fettucine Alfredo

Tudo começou com Alfredo Di Lelio, chef do restaurante popular Alfredo em Roma. Ele inventou esse prato para sua esposa grávida com o objetivo de lhe dar forças. Preparou um molho com creme, manteiga e queijo parmesão e então adicionou o fettucine. Buonoooo! Ficou popular nos Estados Unidos quando o casal Douglas Fairbanks e Mary Pickford experimentaram a receita do Restaurante Alfredo em sua lua de mel em Roma.

Pizza Margherita

Um dos principais pedidos na maioria dos países, a Pizza Margherita foi batizada com o nome de uma rainha. Em uma viagem para Nápoles, em 1889, a Rainha Margherita de Savoy foi apresentada a essa pizza que era feita apenas com tomate, manjericão e mozarela para representar as cores da bandeira italiana. Ela nem poderia imaginar que esse prato se tornaria uma receita que um dia iria representar a Itália em todo o mundo.

Carpaccio

Se você ouve a palavra Carpaccio e pensa na Renascença Italiana – com Botticelli, Masaccio, Giotto, Parmigianino, Bellini, Caravaggio – você está certo. O pintor veneziano Vittore Carpaccio, nascido em 1465, foi homenageado com esse prato, pois o vermelho da carne lembrava o tom de vermelho que o tornou famoso em suas obras.

Filé à Oswaldo Aranha

Um bife mal passado, acompanhado arroz, farofa e batatas portuguesas – tudo misturado antes de comer. Este era o prato mais pedido pelo advogado, diplomata e político Oswaldo Aranha quando ia almoçar, religiosamente, no tradicional Restaurante Cosmopolita. Ponto de encontro de políticos dos tempos de Getúlio Vargas (em meados de 1930), o espaço foi apelidado de “Senadinho”, já que na época a Lapa ainda não era frequentada por boêmios revolucionários, pelo contrário, era ponto de encontro de militares e conservadores.

Via NR7 Comunicação

Veja também

Evento Polo Casa Vip

Um grupo de 21 empresários teve uma ótima iniciativa e montou um polo com diversos …

Deixe uma resposta