Home / Destaques / Extraordinária com presença do prefeito tem como tema saúde; dois projetos aprovados na Ordem do Dia

Extraordinária com presença do prefeito tem como tema saúde; dois projetos aprovados na Ordem do Dia

Na 12ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Itatiba, ocorrida nesta quarta-feira (19), causou polêmica o requerimento 221/2017, do vereador Cornélio da Farmácia (PSDB). A propositura solicita ao presidente da Câmara, vereador Flávio Monte (DEM), a formação de uma Comissão Especial para acompanhar as tratativas contratuais entre a Prefeitura e a Santa Casa de Misericórdia. O grupo teria seis vereadores que acompanhariam, de forma oficial, os fatos ocorridos na Santa Casa.
Em meio à discussão, o prefeito Douglas Augusto chegou ao Plenário. Devido a sua presença, os vereadores pediram para que o mesmo pudesse usar da palavra. O presidente Flávio Monte, com base no artigo 11 da Lei Orgânica Municipal, convocou a 11ª sessão extraordinária, após término da ordinária. A finalidade única foi ouvir o prefeito para explanação sobre a questão da saúde. A discussão do requerimento 221/2017 continuará na próxima sessão.

Extraordinária
Douglas, então, fez uso da palavra por 30 minutos. Em seguida, cada vereador teve cinco minutos para perguntas. Roselvira Passini (DEM), Sidney Ferreira (PSDB) e Thomás Capeletto (PSDB) questionaram o alcaide. Em sua fala inicial, o prefeito explanou sobre a situação de débitos da Prefeitura para com a Santa Casa, que ocorre desde a gestão anterior. Também pontuou novos projetos como Acelera Saúde e Hora Certa, que já dinamizaram o atendimento.
Em resposta a uma das perguntas, Douglas disse que a orientação à população, no momento, é que em caso de sintomas leves, como febre ou diarreia, procurar atendimento na UPA. Em caso de queixas mais graves, deverá procurar a Santa Casa.
“Estou aqui em respeito ao Legislativo. É preciso divulgar as informações corretas. Houve melhora em muitos indicativos. Me coloco à disposição da população, nas ruas e nas redes sociais”, afirmou o prefeito.

Ordem do Dia
Dois projetos de lei foram aprovados.
Em segunda discussão, foi apreciado o PL 10/2017, do vereador Du Pedroso (PPS), que dispõe sobre a prestação de serviço de transporte individual, em táxis, de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. O transporte por táxi poderá contar com serviço especializado para atender as pessoas com necessidades especiais, portadores de deficiência física, idosos e outros com mobilidade reduzida, sem caráter de exclusividade. O projeto foi aprovado com 15 votos e uma abstenção, de Edvaldo Hungaro (PDT).
Em primeiro turno, o PL 18/2017, do vereador Sérgio Rodrigues (PPS), institui o Dia do Combate à Violência Contra a Mulher no município, a ser celebrado no dia oito de março. Nesta data, ou na respectiva semana, a critério do Poder Executivo, será realizada a “Caminhada pela paz”, que terá como símbolo uma bandeira branca e como objetivo combater a violência contra as mulheres. A matéria recebeu parecer favorável das comissões permanentes e aprovação unânime do Plenário.
Também em primeira discussão, o PL 21/2017, de Roselvira Passini (DEM), autoriza os moradores de unidades adquiridas por meio de programas habitacionais subsidiados pelo governo a manterem cães e gatos na moradia. A medida valerá também para os cidadãos já contemplados anteriormente em qualquer programa habitacional subsidiado pelo governo. O vereador Hiroshi Bando (PP) solicitou o adiamento, por uma sessão, que foi aprovado com três votos contrários: Ailton Fumachi (PR), Fernando Soares (PR) e Feitosa (DEM).

Requerimentos e indicações
17 requerimentos foram aprovados por unanimidade aos seguintes órgãos: CPFL, Sabesp, DER, Polícia Militar e Prefeitura. Já as 65 indicações foram encaminhadas ao Poder Executivo Municipal para providências. Consulte aqui para acessar todas as proposituras desta sessão.

Veja também

Itatiba conquista curso de gratuito de Construção Civil

Mais capacitação para Itatiba: na manhã de terça-feira, 19, o Prefeito Douglas Augusto e a …

Deixe uma resposta