Home / Beleza / Padrões de beleza, vamos refletir?

Padrões de beleza, vamos refletir?

Nara Baptistella Rabechi
NUTRICIONISTA – CRN 3 38324
É muito comum durante uma conversa entre amigos, na academia, no trabalho ou em qualquer outro contexto, ouvirmos alguém se queixando de sua forma física e mostrando sua insatisfação com o corpo! Mas por que será que esse comportamento tem ficado cada vez mais frequente?

Padrões de beleza sempre existiram, mas basta observarmos um pouco da história para vermos como eles mudaram ao longo dos séculos. Na Renascença, por exemplo, quando o sinônimo de beleza eram as mulheres com corpos mais cheios e curvilíneos, representando a fertilidade e fartura, suas imagens eram consideram ideais e suas pinturas em belos quadros, evidenciadas. Com o passar dos anos e com as mudanças do contexto histórico, corpos mais magros começaram a se tornar sinônimo de beleza e sucesso e até hoje esses padrões vem mudando de acordo com o tempo. Nunca se valorizou tanto um corpo magro e musculoso como hoje, e esses “corpos perfeitos” são mostrados a nós o tempo todo em redes sociais, revistas, programas de TV, em incontáveis sites pela internet e na mídia em geral. É muito comum observarmos pessoas insatisfeitas ao nosso redor por não possuírem um corpo como estes. Mas será que é possível que todos alcancem esses padrões?

Sempre devemos nos questionar o real motivo para cuidar de nosso corpo. Ter um corpo extremamente magro ou musculoso exige grandes esforços físicos e alimentares, que, na grande maioria das vezes, fogem dos comportamentos saudáveis. Uma boa alimentação é fundamental para uma vida saudável. Comer todos os grupos alimentares de forma adequada, desde os vegetais, até os doces. Sentir prazer em comer e ingerir quantidade suficiente para se sentir bem, sem passar fome nem exagerar demais. Respeitar as limitações do organismo em casos de restrições reais, mexer o corpo praticando atividade física regular e prazeirosa, ou seja, ter cuidado com o corpo e a saúde. Todos esses comportamentos e muitos outros são compatíveis com um corpo saudável. Ter um peso ideal não diz nada sobre a saúde do corpo. A composição desse peso é importante, e mais ainda, o que estamos fazendo para cuidar dele.

Diferenças biológicas e genéticas existem e elas nos fazem viver nessa maravilhosa diversidade. Todo padrão de beleza é injusto, pois sempre deixará muitas pessoas de fora. Que tal começar por aceitar e respeitar mais o corpo para então cuidar mais dele e levar uma vida mais saudável?

Para saber mais:
Nara Baptistella Rabechi
Nutricionista – CRN 3 38324
Rua Santo Bredariol, 685 – Giardino D’Itália
CEP 13256-220 – Itatiba/SP
Tel.: (11) 4534-3120

Veja também

Miss e Mister Itatiba SP

No último dia 15/09 ocorreu o Miss e Mister Itatiba SP. No evento foi eleita …

Deixe uma resposta