Encontre empresas, produtos e entretenimento


Barolo foi nominada a cidade italiana do vinho no 2021
  Data de publicação: 09/02/2021     Categoria(s): Turismo
 Postado por:   Alessandra Nardim

Barolo é o nome dessa pequena aldeia que se encontra no Território Langhe, no Piemonte. Em Barolo vivem 700 pessoas.
Barolo é também o nome de um dos vinhos tintos mais importantes do mundo.
Barolo é uma das onze aldeias onde são autorizadas a produzir o vinho Barolo.

La Morra, Verduno, Castiglione Falletto, Monforte d'Alba, Serralunga , Novello, Roddi, Grinzano Cavour, Diano d'Alba e Cherasco são as outras aldeias onde se produz o vinho da uva 100% Nebbiolo.

E' também interessante saber que mesmo com poucos km de distância entre essas aldeias, o vinho Barolo assume faces muito diferentes de um município para outro. Monforte d'Alba é conhecida por seus vinhos precisos e persuasivos; Castiglione Falletto, pelos poderosos taninos, Serralunga, pelo rigor e, La Morra, que ressalta a elegância.

Como nasceu o vinho Barolo? E' graças a intuição de uma mulher!

A marquesa Giulia Colbert Falletti, esposa do Marquês Carlo Tancredi Falletti di Barolo teve o mérito de transformar radicalmente o Barolo, que antes era um vinho doce e ligeiramente movido obtido a partir de uma fermentação ao ar livre: a sua intervenção levou à construção de caves subterrâneas, que criaram um microclima protegido onde o vinho poderia envelhecer em forma controlada, desenvolvendo corpo e estrutura. O Falletti di Barolo enviou 325 barris para o rei Carlo Alberto, um para cada dia do ano, excluindo os dias da Quaresma. E o Rei, depois de compartilhá-lo com as famílias mais influentes da época, ficou tão entusiasmado com isso que comprou uma propriedade em Verduno para produzir seu próprio Barolo.

Para ser chamado Barolo, o vinho precisa passar por um envelhecimento mínimo de 3 anos.

A partir de 18 meses em barricas de carvalho, entre 5 anos pode ser comercializado com a designação "Riserva". Uma volta engarrafada, è sò esperar o momento certo para degustar-la e se possivel acompanhada de um bom prato de carne sucolenta (ensopado) e, melhor ainda, se for pelas Verdes Colinas do Piemonte.
A invenção do fascínio de Barolo é sua própria evolução ao longo dos anos e por esse motivo é reconhecido como: O vinho do Reis ou o Rei dos vinhos.

Viva o Piemonte!
Baci e Abbracci 

Alessandra

 

“Alessandra, vive na Região do Piemonte, na Itália há mais de 20 anos.
Adquiriu experiência viajando o mundo à trabalho e continua a viajar descobrindo a autenticidade dos pequenos vilarejos, o verdadeiro tesouro da Itália.
Hoje ela realiza roteiros personalizados pelas suas Verdes Colinas do Piemonte, onde vive.
Sempre pronta à partir, nos guiará pela Itália com paixão através os seus olhos e a sua experiência adquirida nesses anos vivendo na Itália.


Galeria de Fotos