Encontre empresas, produtos e entretenimento


Abandone as rotas italianas tradicionais
  Data de publicação: 14/11/2020     Categoria(s): Turismo
 Postado por:   Alessandra Nardim

E descubra a Itália autentica.

Existem mais de 5.308 pequenos vilarejos em risco de abandono. "72% dos mais de 8.000 municípios italianos têm menos de 5.000 habitantes. Uma Itália onde vivem 10 milhões e meio de cidadãos e que representa mais de 55% do território nacional, composta por áreas de valor naturalista, parques e áreas protegidas. Esses 5.835 vilarejos não só realizam um trabalho insubstituível de salvaguarda e cuidado do território, mas são portadoras de cultura, saberes e tradições, mas também forjas de experimentação e fatores de coesão social" (fonte: PlanetB)

Os Vilarejos italianos falam muito sobre o território, sobre as diferenças entre uma área e outra da Península, sobre os usos e costumes que cada região. Nos vilarejos é possível observar a história antiga permitindo-nos de "viver" como as pessoas viviam há séculos. Não é necessário guias turísticos - basta olhar.


Hoje te levo até o vilarejo na Região da Liguria chamado Cervo (se pronuncia: TChervo)

Com vista direta para o mar, o vilarejo é um dos meus lugares preferidos. Aqui o tempo parece ter parado: espremido entre o azul do mar e o verde das colinas, as suas casas medievais, os becos e arcos de pedra, as praças e os terraços desenham um cenário de contos de fadas, autêntico e vibrante, a percorrer. Apenas a pé e em completa calma. 


A pitoresca praça em frente à igreja de San Giovanni Battista, conhecida como "dei Corallini" construída entre os séculos XVII e XVIII graças às ofertas dos pescadores de coral. O adro em si é um lugar mágico, com uma acústica quase perfeita. Foi descoberto há mais de meio século por Sandor Vegh, o famoso violinista húngaro, que viu um grande potencial na característica fachada côncava da Igreja de San Giovanni e decidiu transformar a aldeia de Cervo no centro da Música de Câmara.

No verão a praça e toda a cidade, desde os antigos palácios, às igrejas, às pequenas e belas praças escondidas, transformam-se no palco do Festival Internacional de Música de Câmara, enquanto ao longo do ano a animada vila acolhe eventos culturais e mercados colori. Mesmo à mesa, Cervo sabe surpreender e conquistar. O peixe mais fresco é rei, acompanhado pela excelente Riviera di Ponente Vermentino DOC da Ligúria.

A presto e Baci!
Alessandra

 

“Alessandra, vive na Região do Piemonte, na Itália há mais de 20 anos.
Adquiriu experiência viajando o mundo à trabalho e continua a viajar descobrindo a autenticidade dos pequenos vilarejos, o verdadeiro tesouro da Itália.
Hoje ela realiza roteiros personalizados pelas suas Verdes Colinas do Piemonte, onde vive.
Sempre pronta à partir, nos guiará pela Itália com paixão através os seus olhos e a sua experiência adquirida nesses anos vivendo na Itália.

 


Galeria de Fotos